quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Hanucá!

Hanucá!

Está chegando...

As regras básicas para sefaradim são:

1- Acende-se as velas: Uma vela por pessoa de casa no mínimo (mishnê torá), sendo costume acrescentar uma vela a cada dia, da direita para a esquerda, de forma que no oitavo dia se acendam oito velas.

2- As bênçãos do que acende:

I) Barukh atá .:A:. Elo-hênu mêlekh hangolam, asher kideshânu bemissvotav vessivânu lehadlic ner shelahanucá

II) Barukh atá .:A:. Elo-hênu mêlekh hangolam, shengassá nissim laabotênu baiamim hahem, bazeman hazê

III) Barukh atá .:A:. Elo-hênu mêlekh hangolam sheheheiânu vekiiemânu vehiguingânu lazeman hazê.

No primeiro dia se diz as três bênçãos. nos demais, apenas as duas primeiras. Rambam diz que a primeira bênção diz o que acende, e a segunda, o que vê e o que acende, sendo que a terceira, só quem acende na primeira noite.

Depois, diz-se "hanerot halálu" o qual, assim como os trechos "ngal hanissim" para a ngAmidá podem se encontrar em qualquer sidur.

Disponibilizo esse PDF que preparei no hanucá do ano passado para anussim:
http://www.4shared.com/document/kryYh2SB/Celebrando_hanuc.html

3- Outra importante misvá desse "hag" é a recitação do halel.


O halel como foi esposto pelos gueonim e dos sábios do talmud, pela descrição do Rambam consta em dizer a bênção Barukh... asher... Vessivânu ligmor et hahalel. E ler os salmos 113-118 e os versos "iehalelúkha".


Podes baixar todas essas leis e o halel clicando em
http://www.koltuvsefarad.com/text/hiljotjannuka.pdf

Chave de transliteração para essa página:

ng: ngáin (ע) - Segundo a tradição dos judeus hispano-portugueses, assim é pronunciada essa letra, tendo som nasal/gutural. Pronuncia essa muito mais simples que a correta semítica, que se pronuncia apertando a garganta por um momento.

h: het (ח) - Historicamente, tem sido essa letra transliterada no meio sefaradita como "H", porém o discriminamos pois a pronúncia dessas letras não tem a ver uma com a outra: a primeira se pronunciava fortemente na garganta (e não no palato, como o "khaf"), e a última é uma aspiração, como em "horse".

Nenhum comentário:

Postar um comentário