quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Bíblia: Um Livro de Dois Testamentos?

Observação: este, como qualquer artigo neste blogue, está sujeito a ser ampliado.

Um ótimo 2016 para todos os leitores! 

Desde que comecei a escrever para o nosso blogue sobre Tanakh ("Antigo Testamento") e tudo relacionado a este livro, tinha a intenção de entrar num campo controverso: relações judaísmo/cristianismo e Tanakh/Novo Testamento, devido a que, lamentavelmente, há pouco material em português sobre uma leitura judaica das Escrituras e suas relações com o cristianismo. Só que não quis escrever os artigos que serão o tema desde ano neste espaço sem antes ter lido com método e atenção o Tanakh e o Novo Testamento completos, duas vezes, anotando tudo que eu achasse relevante. Fiz a leitura entre 2012 e 2015 e agora me permito descrever as relações doutrinais entre as que são chamadas duas partes da Bíblia — os livros chamados apócrifos ou deuterocanônicos, que não são unanimidade entre católicos, protestantes e judeus, não serão citados a princípio, apesar de serem importantes.

Sim, o senso comum sobre a Escritura, que segue, aqui no Ocidente, o cristianismo, repete que a Bíblia é um livro composto por duas partes, o Antigo (ou Velho) Testamento e o Novo Testamento. É uma consequência disso que as duas partes, integrantes do mesmo livro, possuem uma continuidade de ideias e uma sequência dos mesmos valores e princípios, ainda que algumas coisas tenham mudado: apesar de as leis e sacrifícios praticados pelo "antigo Israel" serem considerados caducos e, coisa interessante, até bárbaros por muitos cristãos, o Deus dos dois testamentos é, em tese, o mesmo.

Será que esse pensamento reflete a verdade dos fatos? Quais são as semelhanças e diferenças de pensamento entre a Bíblia Hebraica e o Evangelho? Bem, como já dissemos, o cristianismo tradicional afirma que o Deus do Antigo Testamento deu a Torá (a Lei) para ser "sombras das coisas futuras" (Cl 2, 17) e "um aio" (Gl 3, 25) que levasse a humanidade até o ponto alto, que seria o advento de Jesus (Hb 1,1). Bem, apesar de a Torá ser considerada como coisa provisória, destinada a lidar com crianças, o reconhecimento do Deus de Israel como o mesmo protagonista do Novo Testamento requer que o MIOLO, o GROSSO dos dois Testamentos seja algo homogêneo, que eles concordem na teologia, nos princípios!

Neste artigo em particular veremos que ISSO NÃO OCORRE. NÃO HÁ CONTINUIDADE DE PENSAMENTO entre os dois livros. São totalmente diferentes. As crenças CENTRAIS, o "espírito", por assim dizer, do Tanakh não é compatível com o do Evangelho, são semelhantes a duas retas que nunca se tocam. A seguinte tabela expõe o esboço das crenças fundamentais de cada um dos dois livros, com ALGUNS DOS respectivos textos-base.

TANAKH/”Antigo Testamento”:
תורה נביאים וכתובים
NOVO TESTAMENTO/ “Berit haHadachá”
Η Καινή Διαθήκη
Responsabilidade individual dos atos humanos / Livre arbítrio/ Recompensa e punição

“Agora, pois, perdoa o seu pecado; se não, risca-me, peço-te, do teu livro, que tens escrito. Então disse o Senhor a Moisés: Aquele que pecar contra mim, a este riscarei do meu livro.”
Êxodo 32,32-33

“Grande em conselho, e magnífico em obras; porque os teus olhos estão abertos sobre todos os caminhos dos filhos dos homens, para dar a cada um segundo os seus caminhos e segundo o fruto das suas obras;”
Jeremias 32, 19

“(...) Assim falais vós, dizendo: Visto que as nossas transgressões e os nossos pecados estão sobre nós, e nós desfalecemos neles, como viveremos então?
Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor DEUS, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que razão morrereis, ó casa de Israel?
(...) A justiça do justo não o livrará no dia da sua transgressão; e, quanto à impiedade do ímpio, não cairá por ela, no dia em que se converter da sua impiedade; (...)”
Ezequiel 33, 10- 12

A justiça dos virtuosos os livrará, mas na sua perversidade serão apanhados os iníquos.
Provérbios 11,6

Ez 18;  Is 48, 22;  59, 1-2;  Ne 9, 33;  Jr 4, 14. 18;  Lm 3, 39-40; Dt 30, 15;  10, 12;  Gn 18, 25;  Ml 1, 9;  

Responsabilidade transferível/ Condenação Universal graças ao pecado original/ Salvação unicamente pela graça de Deus e mérito de Jesus

“Porque isto é o meu sangue, o sangue do novo testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados
Mateus 26, 28

“Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus”
Romanos 3, 23

“Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus;”
Romanos 3, 25

Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. Logo muito mais agora, tendo sido justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira.”
Romanos 5, 8-9

“Porque primeiramente vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu por nossos pecados(...)”
I coríntios 15, 3

Mt 1, 21;  Jo 1,29;  3, 18. 35; 5,23;  Rm 5, 16;  I Co 15, 20;  Gl 2, 21; 3, 13;  6, 14;  Ef 1,7;  2, 5;  Cl 1, 22; I Ts 5;  I Tm 2,5;  I Pe 4, 17 ss;  I Jo 2, 1-2;  II Jo v.9;              
Deus é UM e não está associado a uma imagem¹

“Ouve, Israel, o Senhor nosso Deus é o único Senhor.”
Deuteronômio 6, 4

“Guardai, pois, com diligência as vossas almas, pois nenhuma figura vistes no dia em que o Senhor, em Horebe, falou convosco do meio do fogo;
Para que não vos corrompais, e vos façais alguma imagem esculpida na forma de qualquer figura, semelhança de homem ou mulher;”
Deuteronômio 4:15- 16

“Mas, na verdade, habitará Deus com os homens na terra? Eis que os céus, e o céu dos céus, não te podem conter(...)”
II Crônicas 6,18

“A quem, pois, me fareis semelhante, para que eu lhe seja igual? diz o Santo.”
Isaías 40, 25

“Eu sou o mesmo, e que antes de mim deus nenhum se formou, e depois de mim nenhum haverá.
Eu, eu sou o Senhor, e fora de mim não há Salvador.
Eu anunciei, e eu salvei, e eu o fiz ouvir, e deus estranho não houve entre vós, pois vós sois as minhas testemunhas, diz o Senhor; eu sou Deus.”
Isaías 43, 10-12

“fora de mim não há outro; eu sou o Senhor, e não há outro.
Eu formo a luz, e crio as trevas; eu faço a paz, e crio o mal; eu, o Senhor, faço todas estas coisas.”
Isaías 45, 6-7
Jesus é a imagem de Deus e é Deus

“E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade.”
João 1,14

“De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus,”
Filipenses 2, 5-6

“Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome²; Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra,
E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai.”
Filipenses 2, 9-11

“Em quem temos a redenção pelo seu sangue, a saber, a remissão dos pecados;
O qual (Jesus) é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação;”
Colossenses 1,14-15

“Porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade;”
Colossenses 2,9

“Aguardando a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do grande Deus e nosso Senhor Jesus Cristo;
Tito 2, 13

“E sabemos que já o Filho de Deus é vindo, e nos deu entendimento para que conheçamos ao Verdadeiro; e no que é verdadeiro estamos, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna.
I João 5,20

II Co 4, 4

Não existe algo como um messias espiritual salvador. O “messias” não é nada mais que um rei davídico. O “ponto alto da história” é o Sinai³

“Tão-somente guarda-te a ti mesmo, e guarda bem a tua alma, que não te esqueças daquelas coisas que os teus olhos têm visto, e não se apartem do teu coração todos os dias da tua vida; e as farás saber a teus filhos, e aos filhos de teus filhos. O dia em que estiveste perante o Senhor teu Deus em Horebe, quando o Senhor me disse: Ajunta-me este povo, e os farei ouvir as minhas palavras (...)!;”
Deuteronômio 4, 9-10

“Será também que, quando (o rei) se assentar sobre o trono do seu reino, então escreverá para si num livro, um traslado desta lei, do original que está diante dos sacerdotes levitas.”
Deuteronômio 17, 18

“Naqueles dias e naquele tempo farei brotar a Davi um Renovo de justiça, e ele fará juízo e justiça na terra. Naqueles dias Judá será salvo e Jerusalém habitará seguramente; (...) Porque assim diz o Senhor: Nunca faltará a Davi homem que se assente sobre o trono da casa de Israel;
Jeremias 33, 15-17

“E nunca mais se levantou em Israel profeta algum como Moisés, a quem o Senhor conhecera face a face;”
Deuteronômio 34, 10

“E meu servo Davi (rei davídico) será rei sobre eles, e todos eles terão um só pastor; e andarão nos meus juízos e guardarão os meus estatutos, e os observarão. E habitarão na terra que dei a meu servo Jacó, em que habitaram vossos pais; e habitarão nela (...) e Davi, meu servo, será seu príncipe eternamente.”
Ezequiel 37, 24-25
Messias/ cristo é filho de Deus e é “o ponto alto da história”

“E dará à luz um filho e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.”
Mateus 1,21

“Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor, pelo profeta, que diz; Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão pelo nome de EMANUEL, Que traduzido é: Deus conosco.”
Mateus 1, 22,23

“E dizendo: O tempo está cumprido, e o reino de Deus está próximo. Arrependei-vos, e crede no evangelho.”
Marcos 1, 15

“Logo muito mais agora, tendo sido justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira.
Romanos 5, 9

“Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, Para remir os que estavam debaixo da lei, a fim de recebermos a adoção de filhos.”
Gálatas 4,4-5

“Porque primeiramente vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as escrituras.
I coríntios 15, 3

“Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Filho, A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo.”
Hebreus 1, 1-2

Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz,”
Efésios 2, 15

Perdão através do arrependimento. Sangue é apenas um dos meios, devido, provavelmente, a uma questão cultural

"(...) aquele que pecou trará como oferta a décima parte de um efa de flor de farinha, para expiação do pecado; (...) porquanto é expiação do pecado;
E a trará ao sacerdote, e o sacerdote dela tomará a sua mão cheia pelo seu memorial, e a queimará sobre o altar, em cima das ofertas queimadas do Eterno; expiação de pecado é. Assim o sacerdote por ela fará expiação do seu pecado, que cometeu em alguma destas coisas, e lhe será perdoado."
Levítico 5:11-13

"Quando pecarem contra ti (...) E na terra aonde forem levados em cativeiro caírem em si, e se arrependerem, e na terra do seu cativeiro Te suplicarem, (...) E retornarem a Ti com todo o seu coração e com toda a sua alma, na terra de seus inimigos (...) e orarem a Ti voltados para a direção da Sua terra (...) Ouve então nos céus, assento da tua habitação, a sua oração e a sua súplica, e faze-lhes justiça. E perdoa ao teu povo que houver pecado contra ti, todas as transgressões que houverem cometido contra ti(...)"
I Reis 8, 46-50)

“Agradar-se-á o Senhor de milhares de carneiros, ou de dez mil ribeiros de azeite? Darei o meu primogênito pela minha transgressão, o fruto do meu ventre pelo pecado da minha alma?
Ele te declarou, ó homem, o que é bom; e que é o que o Senhor pede de ti, senão que pratiques a justiça(...)”
Miquéias 6, 7- 8

"Retorna, ó Israel, ao Eterno teu Deus; porque tropeçaste em tua iniquidade. Tomai convosco palavras, e retornai ao Senhor; dizei-lhe: Perdoa toda a iniqüidade, e ensina-nos o bom caminho; e ofereceremos como novilhos os sacrifícios dos nossos lábios".
Oséias 14, 1-2

Sl 51, 15- 17;  Dt 12, 30 - 32

Sem sangue substitutivo não há possibilidade de perdão: ou sacrifício ou Jesus

"De fato, segundo a Lei, quase todas as coisas são purificadas com sangue, e sem derramamento de sangue não há perdão." (Hebreus 9, 22)

“Porque isto é o meu sangue, o sangue do novo testamento, que é derramado por muitos, para remissão dos pecados
Mateus 26, 28

“Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus;”
Romanos 3, 25

Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. Logo muito mais agora, tendo sido justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira.”
Romanos 5, 8-9

“Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram.”
2 Coríntios 5, 14

“Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;”
Gálatas 3, 13

“Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados.”
I Pedro 2,24
Punição/ Recompensa nacional, coletiva é um princípio⁴

“Agora, pois, ó Israel, ouve os estatutos e os juízos que eu vos ensino, para os cumprirdes; para que vivais, e entreis, e possuais a terra que o SENHOR Deus de vossos pais vos dá”
Deuteronômio 4,1

“E será que, se ouvires (discurso de Moisés a Israel) a voz do SENHOR teu Deus, tendo cuidado de guardar todos os seus mandamentos que eu hoje te ordeno, o SENHOR teu Deus te exaltará sobre todas as nações da terra.
E todas estas bênçãos virão sobre ti e te alcançarão, quando ouvires a voz do Senhor teu Deus:”
Deuteronômio 28, 1-2

Gn 18, 17-18;  Dn 9, 4-7
Não há esse conceito/ não há mais nação de Israel sob pacto

Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.”
Gálatas 3, 28

Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio
Efésios 2,14

“Guardai-vos dos cães, guardai-vos dos maus obreiros, guardai-vos da circuncisão;
Porque a circuncisão somos nós, que servimos a Deus em espírito, e nos gloriamos em Jesus Cristo, e não confiamos na carne.”
Filipenses 3,2-3

Rm 2, 26ss;  Cl 3, 11

A Torá é para sempre

“E estabelecerei a minha aliança entre mim e ti e a tua descendência depois de ti em suas gerações, por aliança perpétua, para te ser a ti por Deus, e à tua descendência depois de ti.”
Gênesis 17, 7

“Portanto guardai isto (a cerimônia da páscoa) por estatuto para vós, e para vossos filhos para sempre.”
Êxodo 12,24

Não acrescentareis à palavra que vos mando, nem diminuireis dela, para que guardeis os mandamentos do Senhor vosso Deus, que eu vos mando.”
Deuteronômio 4,2

“As coisas encobertas pertencem ao Senhor nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem a nós e a nossos filhos para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei.”
Deuteronômio 29, 29

“Mas os sacerdotes levíticos, os filhos de Zadoque, (...) , eles se chegarão a mim, para me servirem, e estarão diante de mim, para me oferecerem a gordura e o sangue, diz o Senhor DEUS.”
Ezequiel 44,15

Ex 31, 16;  Dt 13, 1-4;  Ml 4, 4-5
A Torá era só um pedagogo e sombra

“E fiz-me como judeu para os judeus, para ganhar os judeus; para os que estão debaixo da lei, como se estivesse debaixo da lei, para ganhar os que estão debaixo da lei.”
1 Coríntios 9, 20

“De maneira que a lei nos serviu de aio, para nos conduzir a Cristo, para que pela fé fôssemos justificados. Mas, depois que veio a fé, já não estamos debaixo de aio.”
Gálatas 3, 24-25

“Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei.
Gálatas 5, 18

Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz,”
Efésios 2, 15

“Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados,
Que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de Cristo.”
Colossenses 2, 16-17


Rm 7,6;  Gl 3, 10. 19;  Fl 3, 4-8; II Co 3, 7ss;  Hb 7, 18;  10,28

A Torá é 100% de origem Divina

São estas as leis que você proclamará ao povo”
Êxodo 21,1

“Moisés, então, escreveu tudo o que o Senhor dissera.”
Êxodo 24,4

“Nada acrescentem às palavras que eu lhes ordeno e delas nada retirem, mas obedeçam aos mandamentos do Senhor, o Deus de vocês, que eu lhes ordeno.
Deuteronômio 4,2

“Os filhos de Efraim, armados e trazendo arcos, viraram as costas no dia da peleja.
Não guardaram a aliança de Deus, e recusaram andar na sua lei;
Salmos 78, 9-10
Há mandamentos promulgados por Moisés/ Ser humano

Disse-lhe então Jesus: Olha, não o digas a alguém, mas vai, mostra-te ao sacerdote, e apresenta a oferta que Moisés determinou, para lhes servir de testemunho.”
Mateus 8,4

E Jesus, respondendo, disse-lhes: Pela dureza dos vossos corações (Moisés) vos deixou ele escrito esse mandamento;
Porém, desde o princípio da criação, Deus os fez macho e fêmea.”
Marcos 10, 5-6

“Se, pois, estais mortos com Cristo quanto aos rudimentos do mundo, por que vos carregam ainda de ordenanças, como se vivêsseis no mundo, tais como: Não toques, não proves, não manuseies? As quais coisas todas perecem pelo uso, segundo os preceitos e doutrinas dos homens;”
Colossenses 2, 20-22

A maioria das leis e princípios são “naturais” e éticos, podendo inclusive ser reconhecidos pelas outras nações

“Se alguém abrir uma cova, ou se alguém cavar uma cova, e não a cobrir, e nela cair um boi ou um jumento,
O dono da cova o pagará; pagará em dinheiro ao seu dono(...)”
Êxodo 21, 33-34

“Guardai-os pois, e cumpri-os, porque isso será a vossa sabedoria e o vosso entendimento perante os olhos dos povos, que ouvirão todos estes estatutos, e dirão: Este grande povo é nação sábia e entendida.”
Deuteronômio 4,6

“Coração bem disposto é remédio eficiente, mas o espírito oprimido resseca os ossos.”
Provérbios 17, 22

“Pois a sabedoria é uma proteção, assim como o dinheiro é uma proteção.”
Eclesiastes 7,12


Ênfase no “espiritualismo”. Dualismo “carne x espírito”. Assim, coisas “da carne” não podem ser divinas.

“Porque os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne; mas os que são segundo o Espírito para as coisas do Espírito.
Porque a inclinação da carne é morte; mas a inclinação do Espírito é vida e paz.”
Romanos 8, 5-6

“E a minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder;”
I Coríntios 2, 4

“Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.”
Gálatas 5, 16

“Nisto conhecereis o Espírito de Deus: Todo o espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus; E todo o espírito que não confessa que Jesus Cristo veio em carne não é de Deus; mas este é o espírito do anticristo(...)”
1 João 4, 2-3

I Co 7, 33ss;  12, 2

A riqueza não é em si uma coisa má, e pode ser considerada uma coisa boa

“Assim, pois, te dê Deus do orvalho dos céus, e das gorduras da terra, e abundância de trigo e de mosto”
Gênesis 27, 28

“Antes te lembrarás do Senhor teu Deus, que ele é o que te dá força para adquirires riqueza; para confirmar a sua aliança, que jurou a teus pais, como se vê neste dia.”
Deuteronômio 8, 18

“E assim abençoou o Senhor o último estado de Jó, mais do que o primeiro; pois teve catorze mil ovelhas, e seis mil camelos, e mil juntas de bois, e mil jumentas.”
Jó 42,12

“Pois a sabedoria é uma proteção, assim como o dinheiro é uma proteção.”
Eclesiastes 7,12

Nada de bom é dito da riqueza. Ela parece ser algo indissociavelmente mau.

“Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;”
Mateus 6, 19

Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir.”
Mateus 6, 25

“outra vez vos digo que é mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no reino de Deus.”
Mt 19, 24

“Eia, pois, agora vós, ricos, chorai e pranteai, por vossas misérias, que sobre vós hão de vir.”
Tiago 5, 1

Lc 6, 24;  I Tm 6,7ss

Deus sempre tem o controle. Apesar de “Satan” ser citado, ele só cumpre ordens⁶

“O Senhor fez todas as coisas para atender aos seus próprios desígnios, até o ímpio para o dia do mal.”
Provérbios 16, 4

O Senhor é o que tira a vida e a dá; faz descer à sepultura e faz tornar a subir dela.
O Senhor empobrece e enriquece; abaixa e também exalta.”
1 Samuel 2, 6-7

“Então saiu um espírito e se apresentou diante do Senhor, e disse: Eu o persuadirei. E o Senhor lhe disse: Com quê? E ele disse: Eu sairei, e serei um espírito de mentira na boca de todos os seus profetas. E disse o Senhor: Tu o persuadirás, e ainda prevalecerás; sai, e faze-o assim.”
2 Crônicas 18, 20-21

Quem é aquele que diz, e assim acontece, quando o Senhor o não mande?
Porventura da boca do Altíssimo não sai tanto o mal como o bem?”
Lamentações 3, 37-38

Is 45, 5-7;  II Cr 21, 1 à II Sm 24, 1;  Jó 2, 1-2

O diabo é independente, inimigo de Deus e será vencido e destruído como tal

“Jesus, porém (...) disse-lhes: Todo o reino dividido contra si mesmo é devastado(...) E, se Satanás expulsa a Satanás, está dividido contra si mesmo; como subsistirá, pois, o seu reino?”
Mateus 12:25,26

“E o Deus de paz esmagará em breve Satanás debaixo dos vossos pés. (...)”
Romanos 16, 20

“Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência;”
Efésios 2,2

“E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos;
Mas não prevaleceram, nem mais o seu lugar se achou nos céus. E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo; (...)”
Apocalipse 12, 7-9
Lc 10, 18;  Ap 19.20

O culto exige sacerdotes, organização, tradição

“Portanto guardai isto (a cerimônia da páscoa) por estatuto para vós, e para vossos filhos para sempre.”
Êxodo 12,24

“E me farão um santuário, e habitarei no meio deles.”
Êxodo 25, 8

“E falou o SENHOR a Moisés, dizendo:
Fala a Arão, e dize-lhe: Quando acenderes as lâmpadas, as sete lâmpadas iluminarão o espaço em frente do candelabro.”
Números 8,1 -2

“Mas os sacerdotes levíticos, os filhos de Zadoque, (...) , eles se chegarão a mim, para me servirem, e estarão diante de mim, para me oferecerem a gordura e o sangue, diz o Senhor DEUS.”
Ezequiel 44,15


A religião é popular, as autoridades religiosas judaicas são condenadas/ Nova religião

“E, quando orares, não sejas como os hipócritas; pois se comprazem em orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. (...) Mas tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta,”
Mateus 6, 5-6

“E, chegando a manhã, todos os príncipes dos sacerdotes, e os anciãos do povo, formavam juntamente conselho contra Jesus, para o matarem;
Mateus 27, 1

“Se, pois, estais mortos com Cristo quanto aos rudimentos do mundo, por que vos carregam ainda de ordenanças, como se vivêsseis no mundo, tais como: Não toques, não proves, não manuseies? As quais coisas todas perecem pelo uso, segundo os preceitos e doutrinas dos homens;”
Colossenses 2, 20-22

Mc 7, 3-5; 11, 18;  Lc 20, 1-16;  I Jo 3, 23

Não-judeus podem ter relacionamento com Deus⁷

“O machucado, ou moído, ou despedaçado, ou cortado, não oferecereis ao Senhor; não fareis isto na vossa terra. Também da mão do estrangeiro nenhum alimento oferecereis ao vosso Deus, de todas estas coisas(...)”
Levítico 22, 24-25

“E disse Naamã: Se não queres, dê-se a este teu servo uma carga de terra que baste para carregar duas mulas; porque nunca mais oferecerá este teu servo holocausto nem sacrifício a outros deuses, senão ao Senhor.
(...) E ele (Eliseu) lhe disse: Vai em paz. (...).”
II Reis 5, 17-19

“Assim também ao estrangeiro, que não for do teu povo Israel, quando vier de terras remotas por amor do teu grande nome, (...) vindo eles e orando nesta casa; Então, ouve tu desde os céus, do assento da tua habitação, e faze conforme a tudo o que o estrangeiro te suplicar; a fim de que todos os povos da terra conheçam o teu nome, e te temam, como o teu povo Israel;”
II Crônicas 6, 32-33

Não-judeus estariam excluídos totalmente dos desígnios de Deus, se não fosse por Jesus

“Então chegou ela, e adorou-o, dizendo: Senhor, socorre-me!
Ele, porém, respondendo, disse: Não é bom pegar no pão dos filhos e deitá-lo aos cachorrinhos.
Mateus 15, 25-26

“Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus.”
João 4, 22

“Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão (...) Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo.”
Efésios 2, 11-12

“Vós bem sabeis que éreis gentios, levados aos ídolos mudos, conforme éreis guiados.”
I Coríntios 12, 2
Não há em lugar nenhum o conceito de “fé mágica” ou cega

"O ímpio está envaidecido; seus desejos não são bons; mas o justo viverá pela sua fidelidade.”
Habacuque 2, 4 NVI

“O ingênuo acredita em tudo o que se diz; o prudente vigia seus passos.”
Provérbios 14, 15

“Bem-aventurado aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos.
Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem.”
Salmos 128, 1-2

“E será que, se ouvires (discurso de Moisés a Israel) a voz do SENHOR teu Deus, tendo cuidado de guardar todos os seus mandamentos que eu hoje te ordeno, o SENHOR teu Deus te exaltará sobre todas as nações da terra.
E todas estas bênçãos virão sobre ti e te alcançarão, quando ouvires a voz do Senhor teu Deus:”
Deuteronômio 28, 1-2

“Fé mágica” e “mental”

“E ele disse-lhes: Por que temeis, homens de pouca fé? Então, levantando-se, repreendeu os ventos e o mar, e seguiu-se uma grande bonança.”
Mateus 8, 26

“E disse o Senhor: Se tivésseis fé como um grão de mostarda, diríeis a esta amoreira: Desarraiga-te daqui, e planta-te no mar; e ela vos obedeceria.
Lucas 17, 6

“Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai.”
João 14, 12

“Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem.
Hebreus 11, 1

“E, tudo o que pedirdes em oração, crendo, o recebereis.
Mateus 21,22

Milagres acontecem quando e porque são necessários⁸, mas não são credenciais de homens de Deus

E Faraó também chamou os sábios e encantadores; e os magos do Egito fizeram também o mesmo com os seus encantamentos. Porque cada um lançou sua vara, e tornaram-se em serpentes(...)”
Êxodo 7, 11-12

Quando profeta ou sonhador de sonhos se levantar no meio de ti, e te der um sinal ou prodígio,
E suceder o tal sinal ou prodígio, de que te houver falado, dizendo: Vamos após outros deuses(...); Não ouvirás as palavras daquele profeta ou sonhador de sonhos; porquanto o Senhor vosso Deus vos prova (...)”
Deuteronômio 13, 1-3
Milagres desempenham um papel central na obra de Deus/ chamam pessoas a Cristo

“E Jesus, respondendo, disse-lhes: Ide, e anunciai a João as coisas que ouvis e vedes:
Os cegos vêem, e os coxos andam; os leprosos são limpos, e os surdos ouvem; os mortos são ressuscitados(...)
Mateus 11, 4-5

“eles, tendo partido, pregaram por todas as partes, cooperando com eles o Senhor, e confirmando a palavra com os sinais que se seguiram. Amém.”
Marcos 16, 20

Respondeu-lhes Jesus: Já vo-lo tenho dito, e não o credes. As obras que eu faço, em nome de meu Pai, essas testificam de mim.
João 10,25

“Pelo poder dos sinais e prodígios, e pela virtude do Espírito de Deus; de maneira que desde Jerusalém, e arredores, até ao Ilírico, tenho pregado o evangelho de Jesus Cristo.”
Romanos 15,19

“E a minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder;”
I Coríntios 2, 4

Mt 14, 25;  21, 18 ss;  Jo 5, 36



CONCLUSÃO

Uma mentira, repetida por mil vezes é tida como verdade, mas continua não o sendo. Não há continuidade entre as ideias do Tanakh e as do Novo Testamento: são livros totalmente diferentes e irreconciliáveis. A Torá é praticada no seio do povo de Israel, ainda que influencie outros povos. Ela é o modelo de conduta humana para toda a história e jamais será substituída enquanto houver humanos. De acordo com o Novo Testamento, a Torá é caduca e era apenas uma introdução para Jesus, que mudou toda a história e em quem deve-se crer, sob pena de perder a "salvação", termo que nem sequer ocorre no Tanakh com o mesmo sentido do NT. Algumas semelhanças com o Tanakh e ideias judaicas há no Novo Testamento, assim como no Alcorão, mas isso não torna nenhum dos dois livros continuidade das Escrituras Judaicas.  Judaísmo tradicional é judaísmo tradicional e cristianismo é cristianismo. Pode haver convivência e paz entre pessoas das duas religiões. Claro! Deve haver! É a única forma saudável de viver. Mas convivência não significa que dão no mesmo, não significa que as duas correntes têm as mesmas ideias, e sim que se respeitam apesar das diferenças. Isaías e o Rei David não reconheceriam os ensinamentos de Jesus e seus seguidores. Na verdade, as profecias e os textos do Tanakh citados no Novo Testamento foram tiradas da tradução grega, a Septuaginta, e não do original hebraico, e foram distorcidas, mas isso é assunto para um próximo artigo.

_________________________

¹ A “imagem e semelhança” de Deus, que o homem possui (Gn 1, 26) é entendida como uma imagem moral e espiritual. Por exemplo: assim como Deus, nós temos livre arbítrio, somos criativos e dominamos os elementos da natureza. Todos os textos que falam em mão, pé e outras partes do corpo de Deus, devem ser entendidas como metáforas.

² Este texto cita Isaías, que falava sobre Deus como o Senhor: “(...) porque eu sou Deus, e não há outro. (...) diante de mim se dobrará todo o joelho, e por mim jurará toda a língua” (Isaías 45, 22-23). O NT está dizendo claramente que Jesus é o Deus do Antigo Testamento. “O Nome” também é uma forma de chamar Deus. Com tudo isso, ainda tem religiões que afirmam que o NT não fala em trindade!

³ O único texto que parece falar em um sacrifício humano substitutivo no Tanakh é Is 53, texto que fala sobre “o servo”, que é Israel, como podemos ver em todos os demais “cantos do servo” (capítulos anteriores).

⁴ Não confundir com o ponto I: aquele fala sobre responsabilidade individual, tendo como recompensa maior a vida após a morte, ainda que não exclua alguma recompensa em vida. Por outro lado, a nação coletivamente vai bem ou mal devido ao cumprimento das leis enquanto estado.

⁵ Compare com Mateus 5, 31, em que Jesus “abole” o divórcio, com a exceção de ocorrer infidelidade.

⁶ Costumam distorcer profecias de Isaías e de Ezequiel, sobre o rei de Tiro e de Babilônia, para dizer que falam de certo anjo rebelde, como se anjos pudessem escolher não cumprir as ordens de cima. Na verdade, eles foram criados unicamente para cumprir os desígnios de Deus. Os próprios textos falam sobre o sentido das palavras.

⁷ Assim como todos os justos bíblicos anteriores ao povo de Israel. A expressão “justo e perfeito em suas gerações” só é dita na Bíblia sobre um Não-judeu: Noé! (Gn 6, 9).

⁸ Leia Maimônides, O Michnê Torá, Leis Fundamentais da Torá, capítulo 8, para constatar que os milagres ocorriam por necessidade, e não para provar a profecia de Moisés. O que comprova a veracidade da Torá é a tradição da manifestação no Monte Sinai.