domingo, 22 de fevereiro de 2015

Sobre Transliteração

Chalom!

Alguns leitores perceberam que usamos CH para transliterar a letra "chin" (שׁ), que quase na totalidade dos sites e livros sobre hebraico, judaísmo, etc., é transliterada como SH. Por que fazemos isso?

É necessário esclarecer que transliteração não faz parte do hebraico, é apenas um artifício didático para facilitar a leitura e para que pessoas que ainda não conhecem as letras hebraicas (ou de outro idioma), possam pronunciar a fonética do idioma estrangeiro, lendo com letras que conhece (latinas, por exemplo). Transliteração não é um fenômeno exclusivo dos livros sobre hebraico. Qualquer idioma que tenha letras diferentes das nossas (chinês, árabe, russo, japonês, tailandês, etc.) pode ser -- e é-- transliterado, em livros, publicações em geral e sites nossos.

Transliterar é pegar as letras de um idioma estrangeiro e colocar a pronúncia na forma de letras NOSSAS, para que possamos pronunciar mesmo que não conheçamos as letras.


Em segundo lugar, nenhuma transliteração é universal. Veja como a palavra  שַׁבָּת (nome hebraico do sétimo dia da semana, o dia sagrado) é transliterada em alguns sites escritos em diferentes idiomas (clique para ver, se desejar):


1- Inglês: SHABBAT

2- Francês: CHABAT

3- Holandês: SJABBAT

4- Italiano:  SCIABAT

5 - Alemão: SCHABBAT

6 - Árabe:شبات

7 - Russo: Щабат

E assim por diante. O que você percebeu?  De acordo com a forma de representar os fonemas características de CADA IDIOMA, a palavra hebraica foi representada. Transliteração é mera convenção: cada país tem a sua, não há transliteração oficial! Agora questiono: por que em português a mania é escrever SHABAT? EM português existe SH? Shapéu? O que mais facilitaria para quem está lendo seria usar o CH nosso também! Vamos fazer o teste:

Chapéu - Charrete - Charuto - Cheiro - Chabat Chalom!

Por que não?

Para complicar ainda mais, vários livros e sites judaicos em português usam o CH para representar outro som: o das letras ח e  כ !

Observação: alguns sites judaicos, como o JUDAÍSMO IBÉRICO, usam CH para transliterar o Chin. Os sites islâmicos em português, quase todos, usam CH para transliterar o Chin (letra árabe), inclusive a tradução para português do alcorão, obra do dr. Helmi Nasr.

Então, definitivamente, aqui está a tabela de como determinadas letras são representadas NESTE BLOG:





terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Sugestão de leitura: A VERACIDADE DA TORÁ!

Por que você acredita em Deus ou na sua religião? 
Porque acha que presenciou milagres?
Porque você sente que ele fala com você? 
Porque sim (fé cega) ?

Leia o artigo A VERACIDADE DA TORÁ, publicado por um amigo no site QOL HATORÁ. Garanto que você vai se surpreender!

Fé Bíblica e Racional

Paz!

Houve algumas mudanças na aparência de nosso blog. Coloquei uma nova imagem no topo da página e mudei o subtítulo para "FÉ BÍBLICA E RACIONAL".
Por que? Para maioria das pessoas religiosas, crentes na Bíblia -- é fácil comprovar -- a fé deve ser cega, muitas coisas não precisam ser entendidas, a religião muitas vezes continua a sustentar aquela imagem de inimiga da ciência, etc. e não deve ser assim!

A Bíblia é um livro SIM avançado para a época em que foi escrito (preceitos higiênicos, direitos trabalhistas, etc.) e cheio de ensinamentos positivos, apesar das duras críticas que ouvimos todos os dias. A Bíblia é sim um livro atual e agradável. Quem duvida leia o livro de Provérbios. O que acontece é que muitos não casam a fé com a razão, acham que seguir a Bíblia é PRETO NO BRANCO, dizem que SÓ ACREDITAM NA BÍBLIA (coisa que não há em religião nenhuma do mundo, a não ser nas evangélicas), e terminam por trazer má fama às religiões que seguem esse livro fascinante.

Exemplo rápido: há vários textos bíblicos que usam a expressão "todo Israel" fez isso ou aquilo. Algumas pessoas simplesmente acham que só porque está escrito, devemos acreditar que literalmente e definitivamente todas as pessoas do povo de Israel ali estavam! Aí quando alguém que não segue sua religião pergunta "quer dizer que todo mundo tava ali?", o cara responde "SIM, ESTÁ ESCRITO!". Outro: "Não estejas entre os bebedores de vinho, Nem entre os comedores de carne" (Provérbios 23:20). Baseado nesse texto choveram críticas a nosso blog quando de nossa postagem "Beber e fumar são pecados???". Ora, se baseado nesse texto beber é pecado, também comer carne o é!

A Bíblia usa figuras de linguagem, como qualquer texto literário. Se nela acreditamos, é necessário sabermos entender bem seus textos para depois a defendermos publicamente!

Esperamos que nossas postagens sejam úteis no sentido de propor essa leitura racional da Bíblia.
Vamos aprender juntos? Sugiro que você leia nossos artigos, inclusive os antigos, e não deixe de visitar o site QOL HATORÁ, um site bíblico-judaico racionalista e muitíssimo esclarecedor.

Mais postagens em breve!