quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Porque se celebra Hanucá?

Mais uma vez não tive tempo para fazer aquele post explicando o feriado judaico que está às portas para nosso amigo não-judeu... mas deixo link!

http://www.chabad.org.br/datas/chanuca/index.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/Chanuc%C3%A1

Humor de Hanucá

Hanucáaaaaaaaaaa gone metallllllll!!!!

http://www.youtube.com/watch?v=mWxNIugadMA

Hanucá!

Hanucá!

Está chegando...

As regras básicas para sefaradim são:

1- Acende-se as velas: Uma vela por pessoa de casa no mínimo (mishnê torá), sendo costume acrescentar uma vela a cada dia, da direita para a esquerda, de forma que no oitavo dia se acendam oito velas.

2- As bênçãos do que acende:

I) Barukh atá .:A:. Elo-hênu mêlekh hangolam, asher kideshânu bemissvotav vessivânu lehadlic ner shelahanucá

II) Barukh atá .:A:. Elo-hênu mêlekh hangolam, shengassá nissim laabotênu baiamim hahem, bazeman hazê

III) Barukh atá .:A:. Elo-hênu mêlekh hangolam sheheheiânu vekiiemânu vehiguingânu lazeman hazê.

No primeiro dia se diz as três bênçãos. nos demais, apenas as duas primeiras. Rambam diz que a primeira bênção diz o que acende, e a segunda, o que vê e o que acende, sendo que a terceira, só quem acende na primeira noite.

Depois, diz-se "hanerot halálu" o qual, assim como os trechos "ngal hanissim" para a ngAmidá podem se encontrar em qualquer sidur.

Disponibilizo esse PDF que preparei no hanucá do ano passado para anussim:
http://www.4shared.com/document/kryYh2SB/Celebrando_hanuc.html

3- Outra importante misvá desse "hag" é a recitação do halel.


O halel como foi esposto pelos gueonim e dos sábios do talmud, pela descrição do Rambam consta em dizer a bênção Barukh... asher... Vessivânu ligmor et hahalel. E ler os salmos 113-118 e os versos "iehalelúkha".


Podes baixar todas essas leis e o halel clicando em
http://www.koltuvsefarad.com/text/hiljotjannuka.pdf

Chave de transliteração para essa página:

ng: ngáin (ע) - Segundo a tradição dos judeus hispano-portugueses, assim é pronunciada essa letra, tendo som nasal/gutural. Pronuncia essa muito mais simples que a correta semítica, que se pronuncia apertando a garganta por um momento.

h: het (ח) - Historicamente, tem sido essa letra transliterada no meio sefaradita como "H", porém o discriminamos pois a pronúncia dessas letras não tem a ver uma com a outra: a primeira se pronunciava fortemente na garganta (e não no palato, como o "khaf"), e a última é uma aspiração, como em "horse".

domingo, 21 de novembro de 2010

Tecle em hebraico

Site onde você pode teclr em hebraico, copiar o texto e postar onde quiseres, inclusive no navegador. Depois vou postar aqui como teclar em hebraico inclusive no navegador e o melhor: com as vogais!

http://www.tero.co.uk/magictyper/hebrew.php

Esse site é bem melhor, as letras geralmente são as correspondentes, o que facilita bastante. É uma boa para quem não quer instalar teclados ocupando espaço em seu windows.

Chalom!

Atualizado em 3 de setembro de 2011
ivrit5770@hotmail.com (for msn contact only)

Falando Nisso...


Ho micro Prinkepas - Grego

Der kleiner printz - Yiddish


Hanassikh haqatan - Hebraico

El princhipiko - Ladino


Em aramaico LOL

Em hieróglifos egípcios, dá pra acreditar? Afinal, Ramsés II também precisa de literatura boa!

Veja mais aberrações em
http://www.petit-prince.at/collection.htm

Hebraico: Outras escritas

Escrita a mão do alefbet tal como o conhecemos

O que vimos até aqui no hebraico foi o alfabeto tal como está nos textos impressos (bíblia, etc.). Porém temos em uso vários outros estilos e caligrafias hebraicas. Vamos nesse tópico falar do alfabeto cursivo, usado em escritas manuais e o "rashi", usado no mundo do judaísmo, como comentários rabínicos e amplamente utilizado na tradição sefardita, por exemplo.

Quem tem "Torá, a lei de Moisés", a nova edição, verá, na capa, letras cursivas. No texto, o alfabeto impresso mesmo, e nos comentários, rashi.

Vamos a algumas imagens:
Aqui você pode ver um jornal israelense usando o alfabeto que você já conhece. O estilo da escrita pode variar, assim como eu posso teclar em várias "fontes" com nosso alfabeto ocidental.

Anotações em alfabeto cursivo. Torna-se bem mais fácil do que desenhar as letras tal como aprendemos. A caligrafia pode variar muito também.


Por último, Eis a capa da nova edição em ladino (dialeto judeu-espanhol) do clássico "O Pequeno Príncipe". O Judeu-espanhol se escreve com letras "rashi', enquanto o Yiddish (judeu-alemão), muito mais popular, se escreve com o alefbet traducional mesmo.
Vamos à tábua de correspondência dos três alfabetos:

Posteriormente, disponibilizaremos fontes de todos os tipos de escrita hebraica.

Obrigado por nos acompanhar!

Explicando profecias #1 - Isaías, capítulo 7

Chalom!

Voltaremos agora, depois dessa maratona do hebraico, ao Tanakh em si. Começando por explicar alguns textos das profecias que consideramos mal interpretados, inclusive arrancados de seu contexto hebreu. Esperamos a atenção do leitor cristão assim como sua mente aberta. Não estamos sendo proselitistas, mas como já dissemos várias vezes, a Bíblia Hebraica deve ser vista muito mais que a Bíblia em uma outra língua, deve ser vista como todo um mundo novo, onde cada letra significa muita coisa!

Vamos começar pelos capítulos entre o sétimo e o nono do profeta Isaías. Vejamos do que se trata:

1 Sucedeu, pois, nos dias de Acaz, filho de Jotão, filho de Uzias, rei de Judá, que Rezim, rei da Síria, e Peca, filho de Remalias, rei de Israel, subiram a Jerusalém, para pelejarem contra ela, mas não a puderam conquistar.
2 Quando deram aviso à casa de Davi, dizendo: A Síria fez aliança com Efraim; ficou agitado o coração de Acaz, e o coração do seu povo, como se agitam as árvores do bosque à força do vento.3 Então disse o Senhor a Isaías: saí agora, tu e teu filho Sear-Jasube, ao encontro de Acaz, ao fim do aqueduto da piscina superior, na estrada do campo do lavandeiro, 4 e dize-lhe: Acautela-te e aquieta-te; não temas, nem te desfaleça o coração por causa destes dois pedaços de tições fumegantes; por causa do ardor da ira de Rezim e da Síria, e do filho de Remalias.
Isaías 7, 1-4

É óbvio que trata-se de dois reis, o da Síria e o do reinado de Israel ("do Norte"), que ameaçavam o coração do rei Acaz, de Judá, concorda? Vamos continuar.

7 Assim diz o Senhor Deus: Isto não subsistirá, nem tampouco acontecerá. 8 Pois a cabeça da Síria é Damasco, e o cabeça de Damasco é Rezim; e dentro de sessenta e cinco anos Efraim será quebrantado, e deixará de ser povo.
7-8


Assim diz o Senhor (hb: Có amar Hashem), assim começam os profetas a falar o dito de Deus em toda a Bíblia. Ora, o que quer isso dizer senão que toda a profecia dos próximos capítulos tem a ver com Rezin e Peca?


10 De novo falou o Senhor com Acaz, dizendo:

Considero propositadamente mal traduzido isso! Hebraico: וַיּוֹסֶף ה', דַּבֵּר אֶל-אָחָז לֵאמֹר.
"E acrescentou o Senhor, fala a Acaz por dizer". É isso continuação, nunca uma quebra da profecia!

11 Pede para ti ao Senhor teu Deus um sinal; pede-o ou em baixo nas profundezas ou em cima nas alturas.

Muito bem, atentemos aqui para a palavra sinal. Veja o que diz o comentário de A Bíblia TEB (Tradução Ecumênica da Bíblia):

Em IS, sinal não é necessariamente um milagre, é algo que se pede que se tenha imediatamente sob os olhos para confirmar o propósito de Deus...

Agora, vejamos que diz a Bíblia sobre sinal:

"O meu arco tenho posto nas nuvens; este será por sinal da aliança entre mim e a terra" (Gênese 9, 13)

"E circuncidareis a carne do vosso prepúcio; e isto será por sinal da aliança entre mim e vós." (Gênese 17, 11)

E isto te será da parte do SENHOR como sinal de que o SENHOR cumprirá esta palavra que falou. (Isaías 38,7)

E deu, naquele mesmo dia, um sinal, dizendo: Este é o sinal de que o SENHOR falou: Eis que o altar se fenderá, e a cinza, que nele está, se derramará. (Reis I 13,3)

E isto te será da parte do SENHOR como sinal de que o SENHOR cumprirá esta palavra que falou.

Eis que farei retroceder dez graus a sombra lançada pelo sol declinante no relógio de Acaz. Assim retrocedeu o sol os dez graus que já tinha declinado. (Isaías 38, 7,8)

E ele disse: Se agora tenho achado graça aos teus olhos, dá-me um sinal de que és tu que falas comigo.
Rogo-te que daqui não te apartes, até que eu volte e traga o meu presente, e o ponha perante ti. E disse: Eu esperarei até que voltes.
E entrou Gideão e preparou um cabrito e pães ázimos de um efa de farinha; a carne pós num cesto e o caldo pôs numa panela; e trouxe-lho até debaixo do carvalho, e lho ofereceu. (Juízes 6, 17-19)

Está claro que é sinal na Bíblia: um marco de que algo vai acontecer ou que Deus está conosco, e que Isaías queria que o rei pedisse uma garantia que não deveria temer a ameaça dos dois reis já citados. 

Bem, voltando ao texto!

14 Portanto o Senhor mesmo vos dará um sinal: eis que uma virgem conceberá, e dará à luz um filho, e será o seu nome Emanuel [Deus está conosco].

Eis o sinal, a garantia para não temer o perigo próximo de Acaz!

Má tradução: Virgem. Não existe na Bíblia Hebraica a palavra virgem no gênero masculino. A perda da virgindade é a perda do hímen. A palavra usada aqui, `almá, tem correspondente masculino: `Êlem, que significa mancebo, jovem. Está claro: Almá = moça jovem.

Detalhe: o texto não diz "olha que milagre, uma almá vai ficar grávida!", e sim "vou dar um sinal pra você: A almá está grávida..." (no presente), ou seja, um sinal: uma moça próxima a você, que você sabe quem, está grávida.

Não sou a favor dessa turma que fica paganizando tudo, mas não dá pra deixar de citar as mães-virgens e meninos-deuses deuses-sóis nascidos em 25 de dezembro que morrem e ressuscitam! Não vou insistir nisso, pois a internet está cheia de páginas que levantam esses questionamentos. De fato já li dois livros, sem falar de vários vídeos de autoria de pastores cristãos que fazem uma correlação entre essas mães virgens e esses meninos deuses com outras religiões, como o catolicismo, Só não vêem que também creem no mesmo Jesus, não é mesmo? *

15 Manteiga e mel comerá, quando ele souber rejeitar o mal e escolher o bem.

Por acaso aquele que não tem pecado passará por isso? Um período de tempo em que não se sabe rejeitar o mal e pode-se pecar sem consciência? Como seria ele o imaculado cordeiro se tivesse pecado durante a inocência?

16 Pois antes que o menino saiba rejeitar o mal e escolher o bem, será desolada a terra dos dois reis perante os quais tu tremes de medo.

Será que trata-se de quase mil anos depois, quando em existiria mais Assíria? Acaz não ficaria muito cansado esperando pelo sinal divino??

17 Mas o Senhor fará vir sobre ti, e sobre o teu povo e sobre a casa de teu pai, dias tais, quais nunca vieram, desde o dia em que Efraim se separou de Judá, isto é, fará vir o rei da Assíria.

Mais um texto mutilado pela Bíblia cristã! A palavra "mas" foi acrescentada descaradamente mudando a compreensão original. O versículo deve ser entendido como continuação imediata do versículo anterior: יָבִיא ה' עָלֶיךָ - ...trará o Senhor para ti...

Em fim, a profecia fala do fim do império assírio, inclusive cita os povos que futuramente iriam assolá-la.

Repito: essa é a interpretação LITERAL do texto. Você pode acrescentar aí o que bem interessar, assim como pode pegar uma seção de textos para dizer que o diabo está em toda parte desde 1914...


Obrigado pela atenção!

_____________________________

* a menção é para "Maçonaria do Outro Lado da Luz", por WIllian Schnoebellen e "Lições da História que não Podemos Esquecer", por Abraão de Almeida.


quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Leia hebraico em uma semana! #4 - Outros sinais, sílabas

Shalom!

Com muito prazer chegamos até aqui, auxiliando quem tem interesse em aprender a bíblia em seu contexto original nas noções mais básicas do idioma. Prometo, porém que não vai ficar até aqui apenas! Isso foi o básico dos básicos, ensinando a ler um texto impresso. Vamos ter textos avançados como outros "alfabetos" hebraicos (por exemplo, o cursivo, usado para escrever à mão, o rashi, usado em alguns textos dentro do judaísmo, etc.), a pronúncia original das letras (para não confundir o leitor, ensinamos a pronúncia moderna. A pronúncia original é mais complicada para nós ocidentais), aprender a escrever as letras impressas, etc.

Bem, por enquanto, vamos prosseguir com os últimos detalhes que possibilitarão a ler absolutamente qualquer coisa em hebraico.

Primeiramente, temos o daguesh, que é um pontinho (ּ) no meio de certas letras.
Como vimos logo no alfabeto, vet (ב = v) com daguesh vira bet (בּ = b), khaf (כ =kh) vira caf (כּ =k) e fê (פ = f) vira pê (פּ = p). Ou seja, nessas três letras, o daguesh muda o som¹.

Porém o daguesh pode ser usado em todas as letras do alfabeto, exceto álef (א), hê² (ה), hhet (ח), `áin(ע) e resh (ר). Nessas letras, o daguesh serve para dar uma ideia de duplicação e chama-se daguesh forte, mas isso vem depois.

Temos também o shevá (ְ), que são dois pontinhos que aparecem em baixo das letras, como se fosse uma vogal, mas na verdade é uma semivogal, tendo a pronúncia menos cheia que uma vogal (na verdade um impulso para a próxima sílaba, pronunciado levemente como o último "a" em cama). O shevá pode ser mudo ou vocálico. Veja:

* Shevá mudo - Não tem som algum, e serve apenas para marcar o fim da sílaba que termina em consoante. Por exemplo, Marcos = מַרְקוֹס

* Shevá vocálico
- Tem som de "E", mas como já explicamos, é só um impulso para a próxima sílaba, não uma vogal totalmente cheia. Sempre que um shevá não estiver no final de uma sílaba ou palavra, é vocálico e tem som de "E". Calma que a explicação das sílabas vêm mais abaixo!

Esse mesmo sinal pode aparecer junto com algumas vogais, e chamamos esse novo amigo de hátef:

(ֲ) Hátef pátah = meio "a", assim como o shevá é um meio "E"

(ֱ) Hátef segol = meio "e" (não esquente ser a mesma coisa do shevá, você só quer saber ler, lembra?)

(ֳ) Hátef qâmas = meio "o" (é o qamas hatuf, breve, e não o qamas, longo) Sempre O, não tem como confundir com "A".

Memorize isso tudo. Sugiro que se imprima.

.
Noções de divisão de sílabas


A sílaba hebraica tem uma única vogal isso é regra absoluta. Pode ter um shevá vocálico antes da letra em que está a vogal, pois o shevá é meia vogal, e não vogal cheia, como já dissemos.

Exemplificando:

תוֹרָה = to-rá (instrução, lei divina)
שָׁלוֹם = sha-lom (paz, cumprimento)
עִבְרִית = `iv-rit (hebraico) Perceba aqui que já tinha vogal antes do shevá, logo está no fim da sílaba e é MUDO.
בְּרִית = berit (aliança, pacto) uma vogal, uma sílaba. Shevá no começo é "E", mas não conta como vogal!
בְּלֶכְתְךָ = belekh-tekhá (quando andares) shevá no começo = "E" vogal antes do shevá, ele é mudo. Outro shevá? A sílaba começa aqui! Aprenda: sempre que vir dois shevás em sequência, sem exceções: o primeiro é mudo, e o segundo vocálico.
הַמְּדָבֵּר = ham-medab-ber (aquele que fala) Sempre que houver daguesh forte, fica "uma letra" de um lado da sílaba e a outra do outro lado. Lembre-se do bom português "car-ro".

Pra você ver como o hebraico é uma beleza, veja o seguinte:

הַמְּדַבֵּר = הַמְ-מְדַבְ-בֵּר

Nossa, quase chorei aqui! Que coisa linda, não?

Pronto, você já sabe ler hebraico com maestria! Quer ver? Leia o seguinte:

בְּרֵאשִׁית בָּרָא אֱלֹהִים אֵת הַשָּׁמָיִם וְאֵת הָאָרֶץ
Você leu "bere-shit ba-rá Elo-him et hash-shamái-im veet ha-áretz!, não foi?
É isso o primeiro versículo da bíblia hebraica e quer dizer "no princípio, Deus criou o céu e a terra".

Reconheço que não sou o rei da didática, portanto, coloco-me à disposição para responder qualquer dúvida. Me adicione no MSN ivrit5770@hotmail.com.

Pessoal, muito obrigado pela atenção, qualquer dúvida, estamos aí, e se você gostou, por favor, divulgue este blog!

Shalom!



1 na verdade, existem outras três letras que o daguesh mudava o som, mas isso é assunto pra outro curso!

2- Há um ponto que pode aparecer no meio do hê, mas por outros motivos, e não é o daguesh.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Atualizações em breve!

ATUALIZAÇÕES EM BREVE!




Profecias messiânicas, será?


A G U A R D E M ! ! !

Leia: Barukh Hashem!


A pronúncia é "Barurr Rachêm"...

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Leia hebraico em uma semana! #3 - As Vogais

Como já vimos, o alfabeto hebraico é composto de consoantes apenas. Houve uma época, porém, que a língua hebraica corria risco de ser extinta, e portanto surgiram muitos judeus conservadores chamados "massoretas" (o nome vem de massorá, tradição), que trataram de desenvolver sinais vocálicos e outros sistemas, de forma que a bíblia pôde chegar até nós tal como está. Aproveito para falar em poucos termos que absolutamente todas as versões bíblicas que temos (ou ao menos as mtradicionais) baseiam-se no texto editado pelos massoretas, isso quer dizer duas coisas: devemos aos judeus ortodoxos e para entender a bíblia precisamos conhecer o contexto associado à edição judaica, o que vai muito além de meras questões linguísticas¹

Bem, com o perdão dessa longa introdução, os sinais vocálicos são pontos ou traços que se colocam junto das consoantes. Como trata-se isso apenas de noções básicas, vamos nos limitar a dizer que as vogais são divididas em longas e breves, e algumas vogais aparecem sempre juntas de consoantes, sendo que o leitor não deve se preocupar com isso, bastando memorizar os sinais da tábua. Ela está organizada de tal forma que os sinais vocálicos estão exatamente junto de suas correspondentes portuguesas tal como estão em relação às letras hebraicas. Em azul, as vogais breves. Em vermelho, as longas.




Na esperança de ter o leitor compreendido, resta ensinar de como se juntam as vogais às consoantes, e já será possível ler muita coisa em hebraico! Digo muita coisa porque faltarão uns detalhes que entrarão numa última postagem. Tenha à disposição as duas tabelas: consoantes e vogais e tente ler algum texto em hebraico que tenha transliteração para você conferir. deixarei palavrinhas fáceis de identificar para você tentar ler:

Se decifrou, parabéns!

OBS.: Essa postagem foi atualizada em 20 de Janeiro de 2013






1 vide o artigo "você conhece a bíblia de fato?"

domingo, 7 de novembro de 2010

Hebraico (básico) - Sugestão de livros, download e novo link

Aos iniciantes, sugiro que adquiram o curso "hebraico passo a passo", do Morê Valter Alexandre, e o livro "Noções de hebraico bíblico", por Paulo Mendes. Ambos são extremamente didáticos e me ajudaram muito. Com certeza vão te ajudar também. Clique para visitar um site onde poderá adquirir.

Muitíssimo material didático encontra-se gratuitamente na internet, principalmente em inglês. Encontrei duas apostilas* em pdf para iniciantes em português. Você poderá baixar clicando aqui

Também venho apresentar novo método para iniciantes disponível em www.rabimor.org, que, além de muito didático, ensina a gramática sefaradita, muito mais correta do que o hebraico moderno!

Façam bom proveito de todo esse material!



* Um desses cursos é o do morê Valter, então pelo amor de Deus, comprem o curso! Tudo isso você encontra muito barato, e com o livro, muito melhor que um pdf fem um DVD mais didático impossível, explicando passo a passo.

Leia hebraico em uma semana! #2 - O Alfabeto

O alfabeto hebraico possui 22 letras e chama-se em hebraico alefbet (אלפבית). Essas letras são apenas consoantes (as vogais ão pontinhos que vêm depois) . Algumas letras têm sua pronúncia desconhecida por nós ocidentais, e isso requer uma explicação maior, que vem logo após a tábua do alfabeto.

Algumas letras possuem dois sons, um deles marcados por um pontinho no meio, e outras tem uma forma diferente no final das palavras. Por isso você pode perceber que nossa tábua está dividida em duas partes, uma primeira traz as 22 letras, e logo depois, outras formas. Foi a forma mais simples que achamos de apresentar todas as consoantes que podem aparecer diante do leitor. O hebraico se escreve da direita para a esquerda (<--), assim como o árabe e o aramaico. Pelos conhecimentos dados até aqui, você escreveria em hebraico assim: CRBH. Para visualizar melhor essa tabela, sugerimos que clique sobre ela.



Álef (א) e ‘áin (ע) – São pronunciadas em hebraico moderno da mesma forma, sem som algum. O álef é muito usado no hebraico moderno para representar o som de uma vogal.

Guímel (ג) – Não tem som de “j” como em português, sempre “g” de gato.

Hê (ה) – É algo aspirado, como o h inglês em “house”

Hhet (ח) e khaf (כ) – Pronunciam-se atualmente indiscriminadamente como o “j” espanhol em “Juan”, ou seja, um RR forte pronunciado no “céu mole da boca”.

Caf (כּ) e qof (ק) – Se pronunciam atualmente como o “c” de “casa”, jamais como em “Ciro”

Lâmed (ל), Mem (מ), nun (נ), sâmekh (ס) e sin(שׂ) – Não leia como se lê em português,lado e não sinal mala, e não falam, nabo, e não falando, sabão e não Casa.

Tzadi (צ) – Um “ts”, como a pronúncia de PIzza.

Resh (ר) – como em Caro, jamais como em Carro.

Shin (שׁ) – como o “ch” português mesmo.

A pronúncia atual é muito diferente da original, mas o iniciante não deve preocupar-se com detalhes por enquanto.



Leia hebraico em uma semana! #1 - Apresentação

Shalom a todos!

Desde que esse blog foi oficializado, me intenciona a compartilhar meus conhecimentos de hebraico bíblico para todos os interessados.

Mais do que nunca, hoje as pessoas estudiosas da religião procuram hoje conhecer o idioma original da bíblia* e o moderno idioma do estado de Israel.

Ler hebraico é uma tarefa fácil, não é complicado ou impossível, como muita gente pensa. por um momento, imagine que o número 8 queira dizer a letra "p". o acento agudo a vogal "a", e finalmente o número 1 a letra i. Vc já sabe que em nosso idioma fictício pai se escreve 8´1. Aprender a ler e escrever um novo idioma (amenos que seja alguma língua do extremo oriente :P) é como aprender a escrever numerais em romano, ou brincar de código secreto com os amigos.

Em fim, organizei um método que possibilitará qualquer um a ler o idioma hebraico em uma semana ou menos, claro, dependendo sua disposição a ler palavras e identificar letras.

Dividiremos esse "curso", além dessa apresentação, em três ou quatro postagens que transmitirão as noções básicas do alfabeto hebraico, das vogais massoréticas, de outros sinais diacríticos e finalmente, a noção de divisão de sílabas, e vc estará capacitado a ler absolutamente qualquer palavra no milenar idioma do povo hebreu, que se escreve "de trás pra frente".

Sugerimos a leitura paralela de um texto introdutório sobre a história do idioma hebraico (disponibilizamos para download uma breve introdução que pode servir), e sempre que possível, voltarei a atualizar esta seção. Sugerimos também que se imprimam as tábuas das consoantes e vogais, para melhor visualização.

Abraços e MAZAL TOV ! מזל טוב


* Sobre a diferença que há em se beber da fonte hebreia e estudar as bíblias tradicionais, preparamos o artigo "Você conhece a bíblia hebraica?"